27 ago

Comprar ou alugar?

Por Franciele

Comprar ou alugar

(Imagem: via)

Sempre leio essa pergunta nas mensagens que eu recebo: “Fran, você acha melhor comprar ou alugar?”.

É difícil falar sobre isso de uma forma 100% segura para vocês, pois a compra de uma casa é um passo importante e também um grande investimento. É algo que tem que ser analisado com cautela e a resposta dessa pergunta vai depender do projeto de vida de cada pessoa.

Por que estou falando sobre isso? Pois ando pensando muito sobre o assunto e recentemente li uma entrevista do Gustavo Cerbasi para a Época Negócios que eu achei interessantíssima e pensei que seria legal compartilhá-la com vocês. Pode ser esclarecedor para muitas pessoas que estão passando por esse momento também!


Entrevista

Imóvel é investimento? Qual a sua opinião sobre uma possível bolha imobiliária no Brasil?
Primeiro, essa ideia de que imóvel é algo muito importante de se ter no Brasil vem de uma história recente de grande valorização imobiliária, de um país que há poucas décadas era predominantemente rural e passou a ser predominantemente urbano. Todo mundo que comprou imóvel em meados do século passado viu esse imóvel se valorizar muito em função do crescimento das cidades. Hoje isso já não acontece.

Acho arriscada uma análise como a do Shiller [Nobel que previu a bolha dos Estados Unidos e afirmou que o Brasil passaria por situação parecida]. Concordo com a análise de que mercado brasileiro tem certa saturação, concordo que período pós-Copa tende a ter certo refreamento dos preços, mas não concordo que seja hora de vender ou que talvez não seja hora de comprar. Porque toda média é burra. Se eu falar que mercado brasileiro vai perder 5% do valor nos imóveis, muita gente que tem imóvel com potencial de valorização pode se desfazer dele. Pode acontecer uma calamidade, uma guerra no país, sempre haverá regiões com potencial de valorização. Se o mercado brasileiro perder 5% ou 8% ou 10% – e nada disso caracteriza bolha – mesmo assim há bairros recebendo novos metrôs, shoppings, cidades se expandindo em função de certo eixo comercial. Não posso perder o foco dessas oportunidades simplesmente porque não é hora de comprar.

O que você diria para alguém que está num dilema se compra ou não imóvel?
Pode comprar. Mas, principalmente para não se arrepender, estude o plano diretor da sua cidade. Escute dois ou três corretores de imóveis, preferencialmente não relacionados ao imóvel que você quer negociar. Entre no site do Secovi, que dá um mapa, uma projeção de evolução do metro quadrado nas grandes cidades pra entender as grandes tendências.

Então os recém-casados não precisam necessariamente ter uma casa própria?
Eu acho que eles necessariamente não devem comprar casa própria. Caso queiram comprar, devem tratar o imóvel como investimento e não casa própria, que você quebra parede e instala cozinha americana. Por exemplo, você acabou de casar, viu uma oportunidade com um alto potencial de valorização e saiu do aluguel por causa disso, ótimo. Mas não instale móveis planejados ali e prepare-se para a mudança. A partir do momento que aquele imóvel valorizar, é hora de vender e partir para o próximo. Mais perto dos 40 anos, a renda é maior, você acumulou FGTS e pode entrar no financiamento para quitar o imóvel em 10 anos, ao invés de ficar 30 anos pagando. Meu convite é para os que jovens diminuam o gasto fixo, continuem aproveitando o que motivou o casamento, como romantismo, lazer, cuidado de um com o outro, e experimentem a vida para criar condições de ganho.

Fonte: (Época Negócios)

A entrevista fala sobre investimento e casamento. Esse é apenas um trecho da entrevista, mas você pode conferir a matéria completa clicando aqui.

E vocês, o que acham desse assunto? Compartilhem as experiências de vocês comigo, quero muito saber!

26 ago

O significado das cores na decoração

Por Franciele

O significado das cores na decoração - 013

(Imagem: via)

Cada pessoa na hora de decorar a sua casa tem as suas preferências. Há aquelas que amam ambientes coloridos, já outras gostam de ambientes mais clean. Mas muito além do gosto pessoal, você sabia que as cores são capazes de trazer sensações e energias para o ambiente?

Nesse post vou compartilhar com você o significado de algumas cores muito usadas na decoração.

Branco

O significado das cores na decoração - 08(Imagem: via)

O branco representa exatamente a situação de tranqüilidade, já que é uma cor neutra e harmoniza com qualquer tipo de decoração. A dica é usar o branco com mais cores ou em banheiros, corredores e cozinhas, pois o excesso do branco pode ser desconfortável.

Verde

O significado das cores na decoração - 09(Imagem: via)

Esta cor simboliza a natureza, oferecendo a paz, relaxamento, frescor e esperança. E pode funcionar para decoração da sala de jantar ou sala de estar, porém atenção para não exagerar na intensidade do verde. As cores bastante escuras podem gerar sensação de cansaço para o lugar.

Vermelho

O significado das cores na decoração - 10(Imagem: via)

Trata-se da cor de maior intensidade. O vermelho é capaz de despertar fortes sensações nos indivíduos e pode ser incentivo aos moradores. No entanto, por ser bastante forte, o vermelho pode gerar determinados malefícios para o lugar.

Já as cores mais neutras oferecem maior calmaria, tornando mais suave e agradável, de forma diferente do vermelho e cores intensas, que são mais indicadas para lugares em que não se passa tanto tempo, sendo exemplo o jardim de inverno, corredores.

Laranja

O significado das cores na decoração - 012(Imagem: via)

É afirmado que laranja é a cor da comunicação, fomentando otimismo e confiança, com sensação de que tudo seja possível. Quando usado em escritório, oferece forças positivas como criatividade, motivação e energia.

E ao mesmo tempo relaxante e estimulante, o laranja aplicado no quarto pode se resumir acolhedor para noite e inspirar perfeitamente para pular da cama pela manhã.

Azul

O significado das cores na decoração - 07(Imagem: via)

O azul é verdadeiramente a cor da tranqüilidade. Aplicada em vários ambientes de trabalho quando há necessidade de transmitir tal mensagem, sendo exemplo as clínicas odontológicas, a cor pode ser opção em todos os tipos de quartos, em especial quartos de bebê.

A cor mais aplicada nas casas é azul. O tom mais fraco passa a sensação da tranqüilidade e o escuro transmite clima de pureza, confiança e também seriedade.

AmareloO significado das cores na decoração - 011

(Imagem: via)

O amarelo vai oferecer bastante alegria para o lugar. Com enorme carga de felicidade e otimismo, pode ser aplicada para decoração em lugares que a família estará presente e reunida, como exemplo, a sala de televisão. No entanto, a dica é optar por tons mais claros para ambiente suavizado.

25 ago

Dicas e inspirações para o seu closet

Por Franciele

Closet - inspirações e dicas - 01(Imagem: via)

Ter um closet deve ser o sonho de 9 a cada 10 garotas. Bom, eu me encaixo no meio dessas 9 (na minha estatística meramente inventada, MAS BEM REAL QUE EU SEI kkk). Se eu morasse em um apartamento maior, com certeza faria um escritório/closet e seria o máximo!

Existem vários tipos de closets e você nem precisa ser daquelas pessoas que tem 2942 zilhões de coisas para ter um.

Eu amo a ideia de ter um closet, pois além de ser um espaço onde você pode se arrumar calma (e largar tudo espalhado antes de sair kkk) e organizando direitinho você consegue visualizar melhor tudo o que você tem.

Cada coisa em seu lugar

Separe seus itens de vestuário por categorias e escolha guardá-los em espaços apropriados no closet – um para bolsas,  acessórios, calçados e roupas. Se você for mandar fazer o móvel, fica ainda mais fácil de planejar cada espaço.

Armários com porta ou sem porta?

Essa é uma questão bem interessante a ser levantada, pois você pode criar o seu closet dos dois jeitos.

Closet - inspirações e dicas - 02

(Imagem: via)

Sem portas: é o jeito mais convencional. Eu particularmente gosto assim, pois você tem a vantagem de enxergar TODAS as suas roupas de uma vez só. No entanto, um closet sem portas pode ser um desafio para pessoas desorganizadas.

Closet - inspirações e dicas - 03

(Imagem: via)

Com portas: aproveito para dizer que é o melhor jeito para pessoas pouco organizadas, pois a bagunça não fica exposta. E outro ponto positivo é que, o ambiente também fica mais clean!

Lugar para os acessórios

Closet - inspirações e dicas - 05

Lembram desse post sobre como organizar seus acessórios? Você pode deixar um espaço reservado somente para eles no seu closet. Aproveite os puxadores para criar novos locais para colocar a bolsa usada no dia, por exemplo. Dessa forma tudo fica organizado e sempre à mão quando você precisar se arrumar.

Espelho e iluminação

Closet - inspirações e dicas - 04

(Imagens: 1 | 2 | 3 | 4)

Duas coisas que não podem faltar no seu closet! Um espelho de corpo inteiro e boa iluminação vão finalizar o ambiente com um toque especial. Assim, você poderá experimentar os looks em qualquer momento do dia.

Página 1 de 46412345... 464››

Veja mais vídeos

Layout por Fran Guanieri     Ilustração por Giovana Medeiros     Programação por Ana Flávia Cador