3 Em Finanças/ Morando Sozinha/ Publicidade

Como economizar no mercado morando sozinha

Quero te contar algumas curiosidades sobre o orçamento de quem já tem uma casa, isso inclui você que mora sozinha, com o namorado, marido ou divide apartamento com as amigas.

Você sabia que nós brasileiros gastamos cerca de 29% da nossa renda mensal com habitação (conta de luz, internet, etc…) e 16% com alimentação? Isso significa que se você mora sozinha, 45% da sua renda já está comprometida com a manutenção da sua casa em geral.

Para exemplificar, se você tem um salário de R$2.500, cerca de R$1.125 já está comprometido todos os meses.

Claro que essa é uma média, para ter uma precisão maior teríamos que saber a região onde você mora, seus hábitos e estilo de vida. Mas, olhando para a pesquisa fica claro como é importante cuidar do orçamento da nossa casa. Pois, sem perceber, várias coisinhas no dia a dia podem se tornar um ralo de dinheiro.

Nesse post vou compartilhar algumas dicas pra você ficar de olho nestes gastos e não perder dinheiro a toa.

 

Dica 1 | Não desperdiçar


Nosso primeiro objetivo é não deixar ter desperdício na hora das nossas compras.

Situações onde desperdiçamos:

  • Comprar o que já tem em casa
  • Não comprar o essencial e encher o carrinho com supérfluos
  • Comprar itens que rendem pouco (produtos de limpeza e higiene)
  • Comprar coisas demais e deixar estragar
  • Comprar o que é novidade, mas não é útil

Como faz para não desperdiçar no dia a dia:

  • Conhecer a rotina da sua casa (quantas vezes você faz refeições em casa, qual a rotina de limpeza, o que tem feito falta no dia a dia)
  • Ter um board no pinterest com receitas fáceis para ir variando entre elas e já comprar os ingredientes certos quando for ao mercado

E eu poderia falar sobre várias outras coisas como, fazer um cardápio semanal, lista de compras, pesquisar preço em diferentes mercados, mas isso você já está careca de saber, não é?

 

Dica 2 | Comparar os rendimentos


Lembro-me de quando ia no supermercado com meu pai. Ele ficava comparando a metragem do papel higiênico e também fazia as comparações da quantidade de produto para cada embalagem que precisava levar. Sempre achei isso o máximo, porque essas contas eram reveladoras. Parecia uma caça ao tesouro para achar o melhor custo benefício.

Temos a tendência de guiar nossa decisão pelo preço, e claro que esse é um fator importante, mas o rendimento e a quantidade do produto também são importantes.

Comece a reparar na sua próxima ida ao mercado: será que aquele produto que você compra é mesmo o que rende mais?

Um exemplo que vale citar são as pesquisas realizadas pela PROTESTE, que é a Associação Brasileira de Defesa aos Consumidores. É bem interessante, pois eles fazem comparativos entre vários produtos para mensurar a promessa que a marca faz com a verdadeira entrega.

E por valorizar essa transparência e ter sido destaque nas pesquisas da PROTESTE, a Minuano agora está com duas novas versões: a versão que lava mais de 1300 pratos e a versão que lava mais de 3000 pratos.

Essa identificação facilita para você na hora de fazer a sua compra, pois assim você consegue já ter uma estimativa do rendimento do produto que você está levando para casa.

A versão que lava 3000 pratos é de fato a mais econômica, pois ela custa cerca de apenas R$1 a mais do que a versão que lava 1300 pratos. É um rendimento mais que o dobro!

O mais curioso é que eu tive a oportunidade de experimentar na minha casa antes de Minuano me apresentar essa novidade. Estou muito feliz de poder falar de um lançamento que acredito e foi útil pra mim, e agora pode ser útil aí na sua casa também.

 

Dica 3 | Faça contas para o maior cenário


Se você faz contas baseadas no menor cenário, você está perdendo dinheiro. Isso acontece quando você vê algo e fala: “Ah, mas a diferença desse para este é muito pequena, é só R$3,00…”

Fazer este questionamento e comparar preços não é ser “mão fechada”, mas sim valorizar seu dinheiro. 

Um pouquinho aqui, mais um pouquinho ali pode fazer muita diferença na conta final, ainda mais quando você considera o maior cenário. 

Quer saber o tamanho do impacto da sua economia? Multiplique por 12, vai te ajudar a ter boa ideia.

Aliás, você pode ver o vídeo onde eu conto como economizei mais de 15 mil reais usando essa regrinha.

Gostou das dicas? Você pode ver muito mais visitando a categoria finanças aqui do blog.

Receba os conteúdos exclusivos
do Morando Sozinha no seu e-mail

Prometemos manter seu e-mail seguro, odiamos spam.

Você também pode gostar

3 Comentários

  • Resposta
    Jessica
    19/10/2018 em 12:06

    Amo essas dicas, Fran! Você usa alguma planilha de orçamento conjunta disponível aqui? É meu desafio administrar nossas despesas juntos.

    Ah! Uma diquinha: tentei te acompanhar por um feed agregador (o feedly) mas ele não tá aceitando seu url :/

    Beijos!

    • Resposta
      Jessica
      19/10/2018 em 12:07

      Esquece! Era erro na minha configuração! >< haha!

      Desculpa, beijo

  • Resposta
    Lívia Madeira
    19/10/2018 em 10:42

    o mais dificil pra quem mora só é comprar pequenas quantidades pra evitar o desperdicio… curti mt suas dicas

    http://www.tofucolorido.com.br
    http://www.facebook.com/blogtofucolorido

  • Deixe uma resposta