5 Em Outros

SAIA DE CASA, MAS SAIA BEM!

Um dos motivos da galera querer sair de casa um dia, se deve ao fato de não estar se dando bem com a família. Isso acontece muito, ainda mais na adolescência, um período onde a garota ou garoto estão descobrindo a vida. É muito comum começarem a aparecer festinhas com mais frequência, saídas com as amigas e até um possível namorado. Me imagino como mãe numa hora dessas e minha cabeça pira! No fundo, no fundo, nossos pais querem nos proteger o máximo da vida. Eles nos amam tanto, que não querem nos ver sofrer. Por isso rejeitam tanto a ideia das festinhas, amigos e namorados. Eles só querem nos ver longe das drogas, falsos amigos e até de namorados cafajestes!
Apesar de saber que nossos pais exageram um pouco, da pra entender a preocupação deles. Atualmente tanta coisa bizarra ta acontecendo. Hoje é muito fácil um jovem ter acesso a bebida ou as drogas. Particularmente nunca me interessei por festinhas e experiências malucas. Nunca me ofereceram drogas, mas também nunca tive vontade e nunca usei isso como desculpa para os meus problemas.
Tem gente que usa um mal comportamento para justificar atitudes muito sem noção, como ser o rebelde, chegar em casa bêbado, responder os pais e outras coisas que eu nem prefiro comentar. Por consequência, tantas atitudes ruins acabam levando os pais a reclamarem, darem broncas e até proibirem de sair de casa. A situação vai ficando cada vez mais pesada até que um dia, você decide juntar suas coisas e sair de casa. Poxa, legal! Mas e agora, o que você vai fazer? Pra princípio de conversa, a família é a base de tudo. Eu particularmente, não sei o que seria se não fosse a ajuda do meu pai quando decidi que ia morar sozinha. Ele simplesmente me ajudou fazer a mudança, me deu um colchão, Tv e uns itens pra cozinha. Se você sair de casa sem o apoio da sua família, como vai ser quando você estiver doente? E quando a grana faltar? Vale a pena pensar, vale tanto assim sair de casa em clima de briga?
Ok, você pode estar pensando: “Apesar de eu me dar bem com os meus pais, eles nunca me deixariam sair de casa”. Eu entendo, infelizmente tenho que te falar que pra esse mal não existe remédio. Há pais que independente da idade que os filhos tem, eles sempre vão tentar proteger e os manter perto de si. Mas eu penso que se seus pais são muito contra a você sair de casa é porque existe um motivo maior. Às vezes estamos tão motivados pela emoção, que nos esquecemos da realidade. Por mais que os nossos pais não tenham estudos ou tenham até demais, eles sabem como é a realidade de quem tem que manter uma casa e arcar com as contas. E quem mora sozinho sabe, não é nada fácil.
Esse post não é pra desanimar ninguém a sair de casa, pelo contrário, morar sozinho é uma aventura, que mais dias ou menos dias todos nós vamos passar. Mas porque sair de casa por causa de uma briga ou por não se adaptar as regras dos seus pais? Pense nisso, você tem noção do preço que é um pacote de feijão? Eu não tinha até morar sozinha. Foi quando me deparei com os monstros dos orçamentos, porque além do feijão tem o arroz, a carne, tempero, óleo, gás, panelas (que caso você não saiba, são caras). Então antes de juntar suas coisas pra sair de casa, pense nisso. Você vai estar disposto a arcar com tudo isso ou prefere ficar no aconchego dos pais até que seja realmente sua hora de seguir seu caminho?
PS: A imagem do post é da Família Adms (que eu adoro), apesar de serem esquisitos, são um exemplo de famíla unida! #ficaadica
Receba os conteúdos exclusivos
do Morando Sozinha no seu e-mail

Prometemos manter seu e-mail seguro, odiamos spam.

Você também pode gostar

5 Comentários

  • Resposta
    Lidiane
    11/04/2015 em 19:38

    Ei Fran! Tudo bem? Adorei o post, completíssimo, você soube dizer tudo aquilo que qualquer pessoa precisa saber e pensar antes de sair de casa. Está no meu projeto um blog onde quero falar de coisas que da pro você fazer sem deixar de ser feminina, e eu gostaria de começar com o tema morar sozinha, apesar de muita gente fazer isso hoje em dia, a independência feminina ainda é um assunto cheio de dúvidas e por que não? Preconceitos… Tô adorando seu blog e desejo todo o sucesso.

    Beijocas… 😉

  • Resposta
    Gabriela
    02/02/2012 em 02:19

    Hoje já moro a 2 anos sozinha e concordo com tudo o que você disse. O apoio da familia é fundamental!

  • Resposta
    Karol
    02/02/2012 em 02:18

    Estou virando fã desse blog, os textos estão ótimos. Estou amando ler. Beijos :*

  • Resposta
    Rafa
    02/02/2012 em 02:17

    Fran,é assim mesmo. Amei o post, parabéns o blog ta lindo!

  • Resposta
    Lessa
    02/02/2012 em 02:16

    Nossa! Você disse tudo. 🙂

  • Deixe uma resposta